As 7 Raças de Cães Mais Comuns No Brasil

As 7 Raças de Cães Mais Comuns No Brasil

1) Pug

   Essa raça é uma das mais antigas que existe. A anatomia do Pug não é muito favorável para a sua saúde, por isso ele precisa de bastante cuidado e um acompanhamento de perto. Eles são extremamente apegados aos seus tutores e muito sociáveis com todos. 


*CURIOSIDADE
   A Imperatriz Josephine Bonaparte, esposa de Napoleão Bonaparte, tinha um Pug que era sua paixão, ele se chamava Fortune (fortuna, em português). Na época em que a Imperatriz ficou presa, Fortune era o único que podia visitá-la, por isso Josephine colocava mensagens escondidas na coleira do cãozinho para poder se comunicar com sua família.  

2) Golden Retriever

   É uma raça de origem britânica, conhecido por ser muito dócil e companheiro. Ele é conhecido por ser naturalmente devoto à família, sempre gostando de agradar àqueles que ama. É um cachorro também muito agitado, que demanda exercícios físicos e mentais diariamente, adora brincar e se dá muito bem com crianças e outros cachorros. São capazes de realizar truques inteligentes principalmente quando se trata de obediência competitiva. 

3) Buldogue Francês

   Os criadores da raça defendem que a Inglaterra é responsável pela origem no antigo Buldogue. A França ajudou a desvincular os Buldogues Franceses dos Buldogues ingleses e os EUA foram os responsáveis por trazerem as orelhinhas pra cima, característica muito conhecida desses pets. O sistema respiratório comprometido torna difícil a tarefa de regular a temperatura, além disso, os Buldogues Franceses são bem pesados e podem ter dificuldade em nadar. É uma raça bastante carente e que gosta de estar sempre ao lado da família humana.

4) S.R.D.

   O chamado de S.R.D. (Sem Raça Definida), o vira-lata faz parte do grupo de cães que não têm origem delimitada, com misturas de duas ou mais raças em sua linhagem. É o pet mais popular entre os brasileiros. Os dados revelaram que o animal está presente em pelo menos 41% dos lares no país.

5) Shih-Tzu

   O Shih Tzu se dá bem com todo mundo, o que inclui outros animais, pessoas estranhas e crianças. Eles são cachorros de ambientes internos e se adaptam muito bem a apartamentos por serem pequenos e não precisarem de muito espaço para se movimentar, porém, isso não exclui a necessidade de exercícios físicos regulares. 

6) Spitz Alemão

   O Spitz Alemão não tem sua descendência muito bem definida. No entanto, como a Alemanha é o lugar mais provável de seu surgimento, o país ficou gravado no nome da raça. Existem cinco tipos de Spitz, o anão, o pequeno, o médio, o grande e o gigante. Apesar disso, o anão é o que ficou mais conhecido e o que mais vemos por aí, especialmente no Brasil. ele é um pet que demonstra desconfiança. Isso significa que ele vai ficar longe de pessoas desconhecidas até entender bem como elas são e ter certeza que não são uma ameaça para si ou para seus humanos. Apesar disso, são muito dóceis com toda sua família. 

7) Poodle

   Uma das raças mais conhecidas no mundo todo, o Poodle, é muito saudável no geral, tanto que eles vivem bastante. Pouca gente sabe, mas o Poodle Gigante ocupa o segundo lugar no ranking do livro A Inteligência dos Cães. O  Poodle é extremamente devoto ao seu tutor e fará de tudo para agradá-lo.

A Box4Dog oferece para todas essas raças um teste específico para detecção precoce das principais doenças genéticas e suas características/traços.


×